terça-feira, 1 de janeiro de 2013

DEZ dicas de Marketing para 2013


Como a maioria das revistas de negócio lança no início de cada ano uma lista de tendências, líderes, ideias, produtos e outras formas de entender o ano que entra, resolvi fazer o mesmo, formulei as dez dicas de Marketing para o a ano. Espero que gostem e, naturalmente, coloquem em prática.
1. OUÇA OS CLIENTES. Apesar de lógico para as empresas que pensam em Marketing, nem todas agem desta forma. Dê ouvido aos seus clientes. Acredite que eles têm boas ideias. Crie múltiplos pontos de contato para facilitar a comunicação em mão dupla. Faça com que todos os seus funcionários tenham paciência em escutar aquilo que o consumidor diz. Afinal são eles que usam os produtos, sabem as dificuldades e estão prontos para ajudar a sua empresa a melhorá-los.
2. NÃO NEGLIGENCIE AS MIDIAS SOCIAIS. Não caia no erro de achar que as mídias sociais são apenas um modismo que logo passará. Este é um dos piores erros que uma empresa pode cometer. As mídias sociais são uma realidade. O consumidor e o mercado estão completamente inseridos na era digital. Se você ainda não entrou na era digital faça o mais rápido possível. E não pense que basta uma pequena "passada de olho" durante o dia é o suficiente. Contrate um funcionário para trabalhar em tempo integral nesta função. Quanto antes for feito, maior será a sua vantagem em relação aos concorrentes.
3. MARKETING NÃO É UMA CAIXA PRETA. O Marketing de sua empresa não pode ser relegado a uma área departamental. Satisfazer as necessidades e desejos dos consumidores é função de todos. Isso vale para as estratégias de Marketing. Todos dentro da organização devem saber quais os objetivos e estratégias da empresa. Quanto maior o número de pessoas envolvidas, maiores serão as chances de sucesso. Manter o seu Marketing em segredo irá dificultar o alinhamento mercadológico da organização.
4. AGRADEÇA AS RECLAMAÇÕES. Chega de achar que cliente que reclama é o chato da vez. Agradeça aqueles que reclamam. É melhor que eles o façam para a sua empresa do que nas redes sociais ou em serviços de proteção ao consumidor. Um consumidor que reclama, além de mostrar que gosta de seus produtos esta lhe dando uma segunda chance. Não a desperdice.
5. VENDA MAIS PARA OS MESMOS CLENTES. É senso comum que manter um cliente ativo é mais barato que conseguir um novo. É uma verdade. Assim, procure conhecer os seus consumidores. Entenda seus hábitos e costumes e, assim, desenvolva novos produtos para outras situações ou para aumentar o uso dos já existentes. Parece difícil, mas basta entender os seus consumidores. Lance novas versões, aumente ou diminua embalagens, crie novos sabores, ofereça novas situações de uso, enfim, entenda os consumidores e dê novos motivos para que comprem mais.
6. TREINE A LEITURA DE MERCADO. O sucesso de uma empresa esta relacionado a habilidade dos gestores em  saber ler o mercado. Isso significa pensar em Marketing vinte e quatro horas por dia. Quer dizer entender o mercado em busca de novas oportunidades. É, por meio de uma imersão no mercado e no ambiente em que os consumidores se relacionam com os seus produtos ver o que o concorrente não vê. Consegue-se isso com treinamento, com o gosto de ouvir os clientes para entender o consumidor, com o estudo de oportunidades em mercados mais desenvolvidos, com todos os funcionários da empresa pensando em Marketing. Isso permite vislumbrar oportunidades antes que outros a vejam.
7. PENSE EM UMA MENSAGEM CRIATIVA. Quando pensar em sua estratégia de comunicação seja criativo. Pense em formas de comunicação que faça com que as pessoas falem de seus produtos. Ajude os consumidores a tornar sua mensagem um viral, seja nos meios on-line ou off-line. Use a abuse dos meios digitais para propagar sua mensagem, mas, não se esqueça de facilitar a vida destes propagadores. Desenvolva ferramentas que possam ser facilmente compartilhadas. Mas, lembre-se que sua mensagem deve vender, o objetivo de toda e qualquer estratégia de Marketing, caso contrário é perda de tempo.
8. CANIBALIZE OS SEUS PRODUTOS. Pense todo dia em formas de tornar o seu produto obsoleto. Pense em melhorias, atingir outros mercados, torná-lo mais barato, vender para outros consumidores, enfim, seja criativo. Com os avanços tecnológicos o ciclo de vida dos produtos este cada vez mais reduzido, assim um mercado não será lucrativo para sempre. É melhor perder mercado para os seus próprios produtos do que para a concorrência. Se você não pensa em tornar o seu produto obsoleto, com toda certeza o concorrente estará.
9. NÃO DÊ CHANCE AOS SEUS CONCORRENTES. Mapeie os seus inimigos de batalha. Compre os seus produtos, visite suas lojas, converse com os seus clientes, acompanhe as suas promoções, fale com os seus funcionários, leia o que a imprensa especializada diz, enfim, faça uma marcação serrada. Não desgrude, nem por um minuto, dos concorrentes. Encontre os seus pontos fracos e ataque. Identifique os pontos fortes e se afaste, crie outro posicionamento. Se o concorrente for imbatível crie um novo mercado para os seus produtos. Enfrentar concorrentes fortes em seu campo de batalha pode ser suicídio.
10. NÃO ENTRE EM GUERRAS DE PREÇO. Jamais entre em guerra de preços. Esta estratégia é usada apenas para empresas que não possuem um diferencial comparativo. Se o mercado tem interesse apenas em preço ou os concorrentes não possuem um diferencial que valha a pena pagar mais, o que pode ser uma oportunidade para criar algo inovador, ou este mercado não é adequado para o seu produto. Nestes casos reavalie suas estratégias.
Bom, espero que estas dicas possam ser úteis, e aproveito a oportunidade para desejar a todos um excelente 2013, com muitas oportunidades de negócio, muita lucratividade e que consigam realmente satisfazer as necessidades e desejos de seus consumidores. Pense em Marketing e verá como vale a pena! Saúde, sucesso e felicidade para todos!

Este artigo é informação livre. Copie, distribua, envie por e-mail ou publique em seu site. Apenas informe a fonte: http://desmistificandoMarketing.blogspot.com

Translate